Categorias
Busca

Mudar de país e conseguir um bom emprego no exterior é um sonho. A maioria dos participantes dos nossos programas de intercâmbio volta encantado com as possibilidades de trabalho em outros países, mas será que é fácil conseguir um emprego no exterior?

A primeira coisa que você vai precisar ter, é paciência! Apesar de existirem muitas oportunidades, é necessário pesquisar bem e escolher algo que se aproxime das suas expectativas, são muitas características que devem ser levadas em consideração: salário, carga horária, localização, etc. O principal requisito, para qualquer vaga de emprego no exterior, é o domínio do idioma local, você não vai conseguir um bom emprego no Canadá ou nos Estados Unidos sem ser fluente em inglês, por exemplo! Também é preciso preparar um bom currículo, que deve se adequar com a realidade de cada país ou continente, por isso é importante conhecer os costumes e tradições do país.

Paciência, fluência e carga cultural... como vou conseguir tudo isso?

Uma ótima opção seria participar de um programa de intercâmbio com estudo e trabalho. A grande vantagem nesse caso é, sem sombra de dúvidas, o visto com permissão de trabalho, a melhor modalidade para esse tipo de intercâmbio é o programa de College. O College oferece oportunidades de estudo no exterior para quem procura qualificação profissional, existem programas em todas as áreas e a maioria oferece oportunidades de trabalho em meio período durante as aulas e período integral nas férias.

Na maioria dos casos, o emprego escolhido não precisa ter relação com a área de estudo, por isso, a responsabilidade de encontrar uma vaga de emprego fica por conta do aluno! Mesmo assim, existem vários bancos de vagas na internet e a maioria das escolas divulgam essas vagas para os alunos de intercâmbio que já tem permissão de trabalho, o que facilita bastante a procura.

É claro que cada país tem suas particularidades na hora de disponibilizar vistos e permissões de trabalho para imigrantes. Nos Estados Unidos, por exemplo, o governo impõe um limite para essas permissões. No Canadá, o governo é mais receptivo e as oportunidades para imigrantes também são muitas, porém as entrevistas costumam ser rigorosas, então é preciso estar bem preparado. Austrália e Irlanda se destacam como os mais receptivos, oferecendo ótimas oportunidades para profissionais graduados fora da Europa inclusive. Vale reforçar que, antes de sair em busca de vagas, você precisa garantir um ótimo domínio do idioma local.

Quais as possibilidades de ganhos e oportunidades eu tenho?
Outra característica importante para quem procura emprego no exterior é flexibilidade! É difícil começar, logo de cara, em uma vaga dentro da sua área. Para aqueles que desejam começar a trabalhar o mais rápido possível, existe uma quantidade enorme de vagas em bares, lanchonetes, hotéis, restaurantes, shoppings e pistas de esqui no inverno. Pode parecer pouco, mas mesmo essas vagas oferecem ótimas vantagens para os interessados: o contato diário com clientes nativos vai ajudar muito com a sua fluência e, além disso, qualquer emprego, por mais simples que seja, significa experiência, um fator decisivo na hora de procurar uma vaga mais específica.

A Austrália oferece oportunidades de emprego para alunos de cursos de idioma ou cursos profissionalizantes com no mínimo 3 meses de duração. A média salarial é de AUD$14,30 / hora. No Canadá, a média salarial para estudantes varia entre CAD$8,00 / hora e CAD$10,00 / hora, e exige pelo menos 6 meses de curso profissionalizante. Nos Estados Unidos, o acesso às vagas é mais restrito, mas a média de salário entre estudantes de intercâmbio fica em US$7,25 / hora. Na Irlanda, os estudantes ganham em média €9,15 / hora, na Inglaterra a média é de £6.31/ hora para alunos maiores de 22 anos que estejam matriculados em cursos profissionalizantes.

Quer trabalhar fora do país? Fique de olho aqui no blog, vamos postar várias dicas para ajudar seu planejamento! A Skope tem programas de College no Canadá e na Irlanda, se inscreva ou solicite um orçamento personalizado clicando aqui.