Categorias
Busca

Arquitetura no Canadá é uma profissão altamente regulamentada e apresenta diversos obstáculos que previnem arquitetos Brasileiros, de atuar no Canadá. Isso faz com que muitos profissionais desistam do sonho de trabalhar nesse mercado efervescente. A boa notícia, é que há um atalho que dá ao arquiteto Brasileiro, acesso mais fácil ao mercado Canadense.
 

>> Leia também: Intercâmbio Inglês e Arquitetura em Toronto


Para se ter uma idéia, a demanda por arquitetos no Canadá tem sido maior que o crescimento da indústria da construção civil. Isso se deve ao fato dos profissionais de arquitetura terem expandido sua atuação para áreas como planejamento urbano, estudos de viabilidade, consultoria em planejamento, etc. Em média, 31% dos arquitetos atuando no Canadá são profissionais liberais.

Segundo o jornal Globe and Mail, um profissional saindo da faculdade receberá um salário anual equivalente a R$96,000, podendo subir até R$216,000 ao longo de sua carreira. Nada mal para um país que, além de tudo, oferece educação básica e saúde gratuitas.

Antes de optar por fazer as malas e se mudar para o Canadá, recomendamos uma viagem de exploração. Arquitetos interessados uma rápida viagem ao Canadá para ter contato com a profissão no exterior, conhecer projetos de arquitetura, visitar alguns dos mais renomados escritórios de arquitetura Canadenses, e aprimorarem seu Inglês, podem participar do programa de Inglês e Arquitetura em Toronto. O programa tem a duração de 4 semanas e reúne profissionais e acadêmicos de todo o Brasil, América Latina e Espanha durante o inverno e verão. Saiba mais clicando aqui.

Nossa sugestão de atalho para arquitetos brasileiros acessarem o mercado de trabalho Canadense, é através da obtenção da certificação BEFA (Broadly Experienced Foreign Architect / Arquiteto Estrangeiro com Vasta Experiência). O certificado é uma recomendação que equivale a ter tido formação, experiência e acreditação no Canadá. Com este certificado fornecido pelo Canadian Architectural Certification Board - CACB, o profissional poderá solicitar a licenciatura na região onde decidirem residir.

Como obter a certificação BEFA em 4 passos:

  • Primeiro passo: acessar o site da CACB e se registrar.
     
  • Segundo passo: provar que tem diploma de arquitetura, praticou a profissão fora do Canadá, que tem pelo menos 7 anos de experiência profissional nos últimos 10 anos.  Que tem pelo menos 6 meses de experiência de trabalho em arquitetura no Canadá, nos últimos 3 anos. Essa experiência tem que ter sido supervisionada por um arquiteto licenciado na Província onde o arquiteto deseja atuar. Os documentos devem ser traduzidos para o Inglês ou Francês. Esse cadastro tem o custo de CD$750.
  • Terceiro passo: auto-avaliação. Depois de pagar a taxa de CD$2,500 o candidato preencherá um tipo de portfólio a fim de avaliar 12 áreas de conhecimento e competência. Pelo menos um dos projetos submetidos, deve ser Canadense. Quando concluído, esse portfólio é enviado digitalmente para o CACB. 
  • Quarto passo: o portfólio será analisado pelo coordenador da BEFA para determinar se está completo. Depois ele segue para a revisão do líder dos panelistas. Finalmente é analisado por três panelistas, incluindo o líder mencionado anteriormente. O candidato é então convocado para uma entrevista. Caso o painel considere necessário, o candidato deverá adquirir mais experiência em determinada área de conhecimento antes de inciar a entrevista. A entrevista segue o seguinte fluxo: o candidato confirma o convite para a entrevista pagando a taxa de CD1,500. Comparece à entrevista trazendo três projetos impressos. Responde dúvidas relacionadas às áreas de competência, podendo ou não receber comentários dos panelistas. A CACB chega a uma conclusão e, em caso de sucesso, a certificação BEFA é emitida.

As competências analisadas incluem: programação/planejamento, análise ambiental, projeto esquemático, sistemas de engenharia (estrutual, mecânico, elétrico e civil), análise de custos, código de construção, documentos de construção, negociação e contratos, fase de construção, gerenciamento de projeto, profissionalismo e experiência.

Solicite mais informações sobre o programa de Inglês e Arquitetura em Toronto, nos meses de Janeiro e Julho, clicando AQUI.