Categorias
Busca

O Governo Canadense informa que a partir de 15 de Março de 2016 Brasileiros que possuam visto Americano (não imigrante) ou já tiveram um visto Canadense nos últimos 10 anos e que desejam entrar no país por via aérea, não mais necessitarão de visto desde que tenham um Autorização Eletrônica de Viagem (eTA - Electronic Travel Authorization). A estratégia faz parte do plano do Governo Canadense de fomento ao crescimento econômico e visa facilitar a entrada de estrangeiros considerados de baixo risco.

Todo Brasileiro poderá entrar no Canadá sem visto?

Não! De acordo com o Governo Canadense, como em qualquer outra autorização de entrada (ex. visto de turista, estudante, trânsito), mesmo portando o eTA, caberá ao oficial de imigração autorizar ou não a entrada do cidadão brasileiro após entrevista realizada na chegada ao Canadá. Para ser aceito, o viajante deverá provar que tem ligações fortes com o seu país de origem que justifiquem o seu retorno, e deverá comprovar que tem recursos suficientes para custear as suas despesas enquanto estiver no Canadá. Em teoria, as chances de entrar são grandes, e a recusa de entrada é relativamente rara. 

O que você precisa saber sobre o eTA

  1. O eTA é válido por 5 anos ou até a data de validade do passaporte, o que vier primeiro.
  2. O eTA está ligado ao seu passaporte eletronicamente.
  3. Para solicitar um eTA é necessário ter um passaporte válido, cartão de crédito (Visa, Master ou Amex) e um endereço de email;
  4. O pedido é individual e deve ser repetido para cada um dos viajantes, mesmo que parte da mesma família
  5. Instruções sobre o prenchimento podem ser vistas clicando AQUI  
  6. Saiba se você pode solicitar permissão de entrada no Canadá clicando AQUI

O processo é relativamente simples:

  1. Após responder um questionário online, o próprio site do Governo Canadense avisa o viajante se é possível se candidatar ao eTA. Para quem quiser estudar por menos de 6 meses, o motivo da viagem deve ser ‘turismo’
  2. Perguntas adicionais são feitas para confirmar que o viajante não tem o Green Card Americano, que já viajou ao Canadá anteriormente de forma legal e que estará ingressando no país por avião
  3. O site avisa que o viajante necessitará do eTA. O código é valido por alguns meses e não pode ser usado por outra pessoa.
  4. O site abrirá um questionário onde o viajante informará dados do passaporte, endereço residencial, histórico de vistos negados, dados empregatícios, etc.
  5. Finalmente o viajante é levado para uma página onde efetua o pagamento das taxas

Para mais informações sobre o assunto, visite o site do Governo Canadense